sábado, 8 de outubro de 2016

Furacão Matthew - hoje...

O furacão passa pela costa da Geórgia e segue seu rumo à costa da Carolina do Sul e estará próximo à costa da Carolina do Norte até essa noite.

O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC) reclassificou o furacão de categoria 4 à categoria 1 (furacões são divididos em uma escala de cinco categorias, denominadas de Saffir-Simpson); apesar de seu declínio, Matthew irá permanecer como um furacão ao longo de 48 horas, enquanto o centro estiver atingindo a costa da Geórgia e a costa da Carolina do Sul.

Os ventos fortes do centro desenvolvem para fora aproximadamente 75 km (45 milhas), e os ventos intensos com potência de tempestade tropical, desenvolvem para fora acerca de 295 km (185 milhas).

A estação meteorológica particular da cidade de Folly Beach que fica na Carolina do Sul, comunicou que na manhã do dia de hoje (8 de outubro de 2016) às 8h00 EDT, rajadas de ventos que chegaram a 122 kph (76 mph), no interior da Carolina do Sul, ventos intensos estão presentes e que a cidade de Orangeburg, na Carolina do Sul, foi atingida por uma rajada de vento que chegou a 89 kph (55 mph).

Há pouco, foi relatado por uma avião de reconhecimento da Força Aérea, que a pressão central mínima foi de 962 milibares (pressão barométrica ou atmosférica: pressão atmosférica é o peso que o ar exerce à superfície da Terra).

Na imagem abaixo, o furacão Matthew no decorrer da costa sudeste dos Estados Unidos. A imagem foi capturado por satélite NOAA GOES-Leste às 7:45 am EDT (8 de outubro de 2016).


O satélite NASA-NOAA Suomi NPP com seu instrumento VIIRS (a bordo do satélite), capturou a imagem abaixo com seu infravermelho do furacão Matthew, e mostrando assim, fortes tempestades circundando o olho as altas nuvens, com temperaturas tão frias que chegam a menos 27ºC (80 F), apresentadas em amarelo.


Fonte:
http://www.nasa.gov
https://www.google.com.br
https://translate.google.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário